A RAÇA AMERICAN BULLY
350px_sem_fundo
Canil American Bully Brasil, Localizado em João Pessoa-PB, especializado na criação da raça American Bully tamanhos Standard & Pocket. Frete Grátis para todo o Brasil.

American Bully Brasil, Localizado em João Pessoa-PB, canil especializado na criação da raça American Bully tamanhos Standard & Pocket. Frete Grátis para todo o Brasil. Filhotes de American Bully no Brasil, american Bully Brasil, venda permanente de filhotes e cães adultos Machos e Fêmeas de American Bully, Standard & Pocket, estamos á 07 (sete) anos trazendo genética de ponta com inclusão de cães fortes e com ossaturas extremamente pesadas e ao mesmo tempo uma força, rapidez e resistência física como nenhum outro BULLY. Nossos Cães são considerados tamanho STANDARD, porém PESOS PESADOS são cães não menos densos e compactos, mas que medem entre de 20 e 25 polegadas e pesam entre 80 e 100 libras (de 38 á 60 KG). O American Bully é uma das melhores raças, e é o seu temperamento junto com a sua interação com as pessoas, sempre de forma graciosa e espontânea. Mesmo sendo originários dos BULL DOGS e TERRIER, ou seja, cães de temperamento dominante, American Bully são dóceis, brincalhões, sociais e divertidos, e o principal, a maior satisfação para um BULLY é estar junto das pessoas e animais de preferência sempre próximo a seu dono ou outros cães. Eles têm energia, mas pelo seu porte compacto convivem bem em lugares pequenos, desde que junto da família.   Quando você anda na rua com um American BULLY as pessoas literalmente param o que estão fazendo para olhar o seu cão. O AMERICAN BULLY é um cão muito exótico e impactante aos olhos de muitas pessoas.  Outra grande virtude do AMERICAN BULLY é que latem pouco, quando um BULLY latir “a casa treme de cima em baixo” vá ver o que está acontecendo, pois esses cães não fazem alarde por qualquer coisa, eles observam atentamente cada movimento da casa e percebem a intenção de acordo com a atitude das pessoas estranhas. Se a Noite quem se depara frente a frente com um American Bully no quintal com certeza muito provavelmente irá “morrer” de susto, seu latido, porte e tamanho juntamente com seu olhar penetrante com certeza será inesquecível para o invasor, poucas pessoas possuem coragem suficiente para colocar a mão ou entrar em um local onde tem um AMERICAN BULLY. Portanto, também os consideramos bons cães para a sua segurança patrimonial e pessoal.   Ter um AMERICAN BULLY é ter muito mais que um cão. Com ele você ganha uma ótima companhia para ter dentro de casa. Ele pode viver tranquilamente no quintal ou no sítio, pois é resistente. Você também ganha um cão divertido, brincalhão e obediente. Pode ser criado em apartamento desde que tenha um manejo diferenciado com atividades físicas constantes e passeios diários, muito social com outros cães e animais inclusive gatos, adora brincar com crianças e também é uma ótima companhia para aposentados, pois é um animal que não pula e nem late, e a atividade física são entre 30 á 45 minutos diários.
 

A VERDADEIRA HISTÓRIA DA RAÇA AMERICAN BULLY

Até a década de 1990, o Bully americano não existia. Seus pais, no entanto, têm sido muito bem conhecidos nos Estados Unidos por quase 200 anos. Por muitos séculos, esportes de sangue eram imensamente populares na Inglaterra. Dentre os mais populares, a “luta com touros”(bull-baiting), onde o Antigo Bulldog Inglês (OldEnglish Bulldog)confrontava um touro preso e ratos, e um cão do tipo Terrier era colocado em uma cova com dezenas de ratos por um certo tempo ou até que todos os ratos estivessem mortos. Em 1835, as atitudes sociais mudaram e a “luta com touros” foi considerada ilegal. A luta de cães não foi proibida, no entanto, este esporte tornou-se imensamente popular. Os cães preferidos utilizados em rinhas de cães foram cruzamentos entre o Antigo Bulldog Inglês e RatTerriers Killing, uma mistura conhecida como Bull e Terrier. Eventualmente, os Bull Terriers tornaram-se duas novas raças, o Staffordshire Bull terrier e o Bull Terrier. Staffordshire Bull Terriers foram importados para os Estados Unidos no início do início de 1800 e estes cães se tornaram extremamente populares em todo o país. Nos Estados Unidos, esses cães se tornaram conhecidos como American Pit Bull Terriers após os poços de combate em que eles lutaram.

American Pit Bull Terriers não só cumpriam a tarefa de cão de combate nos Estados Unidos, mas também serviam como cães de caça de porcos e vermes erradicadores. Talvez o mais importante, depois de um dia de luta ou trabalho, é que estes cães voltavam para casa para ser animais de estimação de uma família que muito lhe estimavam. A raça desenvolveu um conjunto único de características físicas e de temperamento, como resultado. Por um lado, a raça foi muito orientada para o trabalho, ansioso para agradar, incrivelmente tolerante a dor, absurdamente determinada, sincera, agressiva e disposto a lutar até a morte. Por outro lado, o American Pit Bull Terrier era intensamente leal, devotado, brincalhão, energético, extremamente carinhoso, muito tolerante e gostavam de crianças. Além dos milhares de registros de Pit Bull Terriers Americanos, inúmeras foram sendo criados na informalidade, e esta raça foi, sem dúvida, uma das mais populares do país até o final de 1800.

Em 1930, o American Kennel Club (AKC) começou a registrar American Pit Bull Terriers como American Staffordshire Terrier, embora diferentes políticas de criação levaram a maior parte (mas longe de tudo) Pit Fanciers Touro considerar o American Staffordshire Terrier e o American Pit Bull Terrier como raças separadas. Infelizmente, milhares de Pit Bulls continuaram a ser criados para rinhas de cães, além de caça e outros trabalhos. Na década de 1980, o American Pit Bull Terrier começou a ser visto como o último "cara durão". Como resultado, muitos proprietários irresponsáveis e criadores destreinados desenvolveram agressivos Pit Bulls, e ao mesmo tempo, a popularidade da raça absolutamente explodiu. Vários ataques graves de cães ocorram e foram amplamente divulgados ea raça ganhou a reputação mais negativa de todos os cães. Desde então, uma batalha constante tem sido travada por criadores de Pit Bulls e adestratores de Touros, que envolveu muitas vezes restrições legais que estão sendo colocadas em Pit Bull ou de propriedade da raça (s) para serem banidos. Esta é apenas uma das partes da história do American Pit Bull Terrier e American StaffordshireTerrier que mais impactou o chamado“Bully Americano”.

Na década de 1990, um número de criadores de todo o país buscou desenvolver uma raça de cão do American Pit Bull Terrier e American StaffordshireTerrier que era estritamente um animal de companhia e para exposição de cães. Isto foi feito por várias razões importantes. A disposição do American Pit Bull Terrier para o trabalho é tão alta que a raça muitas vezes apresenta comportamentos como muito alta energia e curiosidade que causam problemas para um animal de estimação. Além disso, Pit Bulls muitas vezes apresentam esse tipo de agressão extrema, cão que não se pode confiar em torno de outros cães. Embora a grande maioria dos Pit Bulls apresentasse níveis muito baixos de agressão humana, algumas linhas e posse irresponsável passaram a ser uma preocupação também. Não está claro se ou não, o objetivo inicial foi desenvolver uma raça inteiramente nova, ou apenas para alterar o temperamento dos cães existentes, mas uma nova raça foi o resultado de qualquer maneira. O Bully Americano era incomum para uma nova geração em que não foi desenvolvido principalmente por uma pessoa ou um programa de melhoramento genético, mas sim dezenas e talvez centenas de criadores nos Estados Unidos, muitos dos quais estavam trabalhando sozinho com quase nenhum contato com outros criadores. Os primeiros esforços de criação principalmente (mas não exclusivamente) centrada na Virginia e no sul da Califórnia, mas rapidamente se espalhou por todo o país. Não está claro exatamente quando o Bully Americano foi considerado pela primeira vez uma raça única ou quando esse nome apareceu pela primeira vez. A raça era bem conhecida para intimidar criadores da raça pelo início do século 21, e tornou-se cada vez mais popular e reconhecido nos últimos cinco ou seis anos.

No início do Bully Americano alguns criadores usaram principalmente American Pit Bull Terrier e American Staffordshire Terriers, e muitos usaram estas raças exclusivamente. Embora tenha sido aparentemente nunca admitida abertamente, é quase universalmente aceito que outras raças foram usadas também. O Staffordshire Bull Terrier, o equivalente Inglês do American Bully das Raças, foi certamente usada, especialmente para desenvolver os tamanhos menores de Bully Americano. O Bulldog Inglês também foi definitivamente usado, e alguns criadores têm especulado que foi usado muito fortemente. Esta raça teria fornecido um temperamento mais calmo, menos agressivo ao American Bully, bem como, um corpo volumoso duro e cabeça avantajada. Bulldogs Americanos também são amplamente pensado para ter desempenhado um papel significativo, e outras raças que foram sugeridas incluem o Bullmastiff, Bull Terrier, Rottweiler, Bulldog Francês, Mastiff Napolitano e o Cane Corso também foram utilizados em alguns tamanhos de American Bully como o tamanho XXL. A maioria dos criadores de American Bully nos USA negam a inclusão dessas raças, mais em alguns exemplares são nítidas as semelhanças.

Devido ao fato de tantos criadores trabalharem para desenvolver o Bully Americano, a maioria sem um padrão claro ou objetivo em mente, o Bully Americano tornou-se bastante variável na aparência. A raça pode ser significativamente menor do que um verdadeiro APBT, mas também podem ser várias vezes maiores. O cão também vem em uma ampla variedade de cores de pelagem e padrões. Forma do corpo, tipo e proporções também são mais variáveis do que a maioria dos cães de raça pura modernas, embora esta raça é geralmente muito densamente construída, bastante encorpada e absurdamente muscular. Cabeça de forma e tipo parecem ser consideravelmente mais uniforme, mas são ainda um tanto variável. Em muitas maneiras o Bully Americano é muito semelhante ao das raças de que é descendente, e o observador casual provavelmente confundiria um desses cães com um American Pit Bull Terrier, um American S.T ou o próprio Bulldog Inglês ou Bulldog Francês. No entanto, experientes criadores de Pit Bull nunca confundiriam o Bully Americano com uma raça pura American Pit Bull Terrier já que a raça, definitivamente, tem uma aparência distinta ao olhar, alguns criadores Americanos de APBT e AST costumam chamar, de forma deturpada e maldosa, o American Bully de “Vira-lata Americano”, mais isso se trata apenas da vaidade que permeia a relação entre criadores.

abkc standards pic

Muito parecido com os Pit Bulls a partir do qual são descendentes American Bullies têm um número de registro que foi desenvolvido especificamente para eles, além de ser reconhecido por vários registros da raça. O Bully Americano é atualmentereconhecidopelo American Kennel Club Bully (ABKC), American Bully Kennel Club (UBKC), Bully Breed Kennel Club (BBKC), eo Canine Association United (UCA).Há também uma grande confusão em torno das raças que são proibidas pelo nome pitbull. Nos Estados Unidos, a proibição de Pit Bull geralmente incluem American Pit BullTerrier, American StaffordshireTerrier, Staffordshire Bull Terrier, e os cães que cumpram as suas normas. Na Europa, o American Pit Bull Terrieré geralmente proibido, mas StaffordshireTerriers não americanos ou Staffordshire Bull Terriers e American Bully são permitidos. O desenvolvimento do Bully Americano foi recebido com reações diversas da comunidade em geral das raças do cruzamento. A maioria dos criadores de American Pit Bull Terriers considera o Bully Americano sendo inferior à sua raça, devido à sua aparência e falta de capacidade de trabalho, as opiniões compartilhadas por grande parte da comunidade de American Staffordshireé geralmente menos intensa. No entanto, parece que uma maioria considerável dos criadores destes cães não se opõe ao Bully Americano como uma raça distinta, por si só, mas sim quando classificado como um Pit Bull. Criadores de outras raças sentem que associar o Bully Americano com suas raças é injusto para ambos os animais. O American Bully é ainda uma raça muito nova, e ainda não experimentou um amplo reconhecimento. No entanto, eles podem ser encontrados em surpreendentes grandes números nos Estados Unidos. Esta raça não só tem uma população registada considerável, mas uma população de cães não registrados que é provavelmente significativamente maior. Apesar de não parecer que todos os estudos populacionais têm sido realizados sobre o Bully Americano, é muito provável que já existam muito mais Bully Americano vivo nos Estados Unidos do que muitas raças que obtiveram pleno reconhecimento com os clubes de canil americano. A população da raça também está crescendo rapidamente no exterior, principalmente na Europa. O Bully Americano foi criado principalmente como um animal de companhia e exposição de cães, e é aí que o futuro imediato da raça quase certamente se encontra. No entanto, a raça mantém a capacidade de executar uma série de tarefas e Bully Americano tem sido usado para fins pessoais de proteção da propriedade, a aplicação da lei, a terapia, a obediência, agilidade e esportes do cão. Nos USA cada exemplar de American Bully é comercializado por aproximadamente U$ 3.000,00 chegando até U$ 15.000,00, no Brasil entretanto conseguimos encontrar espetaculares exemplares da raça por em média R$ 3.000,00 chegando até R$ 7.000,00 metade do preço praticado nos USA. CLICK EM LEIA MAIS E VEJA MATÉRIA COMPLETA >

Leia mais...
 

6469Quais raças ou variações podem ser registradas como American Bully Junto ao ABKC ?

O American Bully Kennel Club, ou A.B.K.C. é o registro oficial mundial para o Bully americano. A raça Bully americano foi criado em 1990 e ganhou reconhecimento e estabelecimento em 2004, por o início do ABKC A raça Bully americano tem sido criada seletivamente para dar as raças da América uma nova direção e tomada. Como com o American Staffordshire Terrier, todas as características positivas de ascendência da raça foram mantidos como lealdade, estabilidade com os seres humanos e outros atributos físicos, mas traços de agressão do cão e gameness foram criados fora da raça porque a raça não tinha futuro e um propósito para essas características. O que diferencia esta raça do American Staffordshire Terrier é a aparência física. Esta raça é construído com estrutura óssea mais pesada e uma "Bullier" construir. A raça reinventou foi formada com o propósito de ser a raça melhor companheiro, e esta raça é o "Bully americano." O A.B.K.C. não foi apenas criado para o Bully americano, ele foi criado para reunir as pessoas em unidade e diversidade e permitir que as pessoas se reúnem com o laço comum ou desfrutar de seus companheiros. O Registro A.B.K.C não está limitado apenas nas raças de intimidação sozinhas ou raças americanas. O A.B.K.C. é agora um registro de várias raças especializada em tipo, padrão ou porte Bully. O objetivo do A.B.K.C. é trazer as pessoas para o seu amor da raça e para ajudar a quebrar estereótipo negativo de ambas as raças e povos. 

O Registro American Bully
O ABKC não aceita todos os cães para esta raça e tem reservas e direito de recusar a partir de alguns registros na raça. Neste momento, a raça ainda está em sua infância e dos livros genealógicos permanecerá aberto por mais alguns anos, no entanto o critério tornou-se mais rigorosa para ajudar a preservar a qualidade, pureza e saúde da raça Bully americano.

Qual é o Verdadeiro Bully americano?
A: Todos os cães registrados atualmente tanto como American Pit Bull Terrier ou American Staffordshire Terrier serão registrados junto ABKC como American Bully se estiverem dentro do padrão e características da raça american bully. Veja matéria completa e saiba mais sobre o padrão da raça segundo o ABKC.

Quais registros de cães a ABKC aceita como registro de American Bully ?
A: O ABKC atualmente aceita UKC, AKC e ADBA para a American Bullies; BBCR & BBC para Baixinho Bulls e AKC, FCI, NKC, ABRA e IOEBA para raças de Bulldog´s. 

Segundo o ABKC o que é um 100% Bully ?
A: Todas as variedades DE CÃES que apresentam características de "Bully" e traços conforme descrito no American Bully Padrão, que são elementos-chave do tipo da raça para SER um verdadeiro Bully americano é considerado um American Bully 100% segundo a ABKC " American Bully Kennel Club"
CLICK EM LEIA MAIS E VEJA MATÉRIA COMPLETA >

Leia mais...
 

gujkCURIOSIDADE:

VOCÊ CONHECE O MICRO BULLY ?

É importante notar que em 2011 o nome da raça “ American Micro Bully “ foi oficialmente mudado para Bantam Bulldogge, a palavra "Inglês" foi retirado do nome da raça pelo oficial do Registro Nacional da Bantam Bulldogge da Associação Canina United. Nossa família sempre teve uma paixão por animais e como uma família, ter sido envolvido com várias raças da intimidação por qualquer mostrando, julgando, treinando ou reprodução desde 1987. Por volta de 1989 que tornou-se muito interessado em raças de cães raros, especificamente raro Bulldogs e Bulldogges. Sua Foi nessa época que comecei a estudar e pesquisar várias raças raras Bulldog, tais como o buldogue americano, Olde English Bulldogge eo Olde Boston Bulldogge. Micro intimidações acabou possuir exemplos de cada uma dessas raças e verdadeiramente sentir no amor com o Olde Inglês Bulldogge, mas sempre quis ter um buldogue porte brinquedo ou Bulldog miniatura de algum tipo. Em 1992, fizemos vários cruzamentos fundamentais com várias raças Bulldog de menor porte e começou a criar nossa linha de bantam tamanho miniatura Bulldogs. Com estes primeiros cruzamentos temos nossa chance de possuir nossos primeiros fundamentais Bulldogges Bantam e imediatamente caiu no amor com o Bulldogs Toy menor. Este foi o início de Micro intimidações 'Bantam Bulldogge programa de melhoramento. 
CLICK EM LEIA MAIS E VEJA MATÉRIA COMPLETA >

Leia mais...
 

huhk

CURIOSIDADE:

VOCÊ CONHECE O SHORTY BULLY?

Descrição

The Shorty Bully ou Shorty Bull  é um bulldog compacto e muscular de pequena estatura. A cabeça é redonda com características típicas do buldogue. Os olhos são bem separados e não devem sobressair. Mandíbula deve ser curvo, não em linha reta. Nariz deve ser virado para cima um pouco e pode ser preto ou fígado colorido. Dudley narizes são uma falha de cosméticos. Deve ter um prognatismo, mas não excessivamente prognatismo. Os olhos podem ser de qualquer cor, mas o marrom é a cor dos olhos de preferência. As orelhas são cortadas ou descartado. Rose ou orelhas eretas são consideradas uma falha. O corpo deve ser curto da parte de trás do pescoço à cauda. O peito deve ser amplo em altura e profundidade têm de chegar até o cotovelo. Um aspecto compacto é desejada. A largura dos quartos dianteiros e traseiros devem ser proporcionais, não emprestando a uma traseira estreita eo peito pode ser mais amplo do que o traseiro. Posteriores muito estreitas são consideradas uma falha.
CLICK EM LEIA MAIS E VEJA MATÉRIA COMPLETA >

Leia mais...
 

IL 
CURIOSIDADE:

VOCÊ CONHECE O EXOTIC BULLY ?

A EBA - Exotic Bully Association (USA) é um registro em todo o mundo e, atualmente, reconhece quatro raças distintas como Exotic Bully, Bulldog Francês - Bulldog Inglês - Bully Americano - American Bulldog. Cada uma dessas raças de BULL foi desenvolvido para um propósito específico. Estas raças têm evoluído de ser um guardião da propriedade, agora apenas ser o melhor companheiro.

Leia mais...
 

VISITANTES ONLINE NESTE MOMENTO NO SITE !

Nós temos 36 visitantes online
 AMERICAN BULLY BR FILIADO ABKC - IBKC - SOBRACI

 101

32321 
0135041 
  041
UKC-LOGO
IBKC-LOGO-LRG.jpg.opt303x302o00s303x302
 sdfgerwg 
7 
065
ebadogs-
04354
l
fci- logo
hjk
  024641
0431
l
041
Banner tam cargo american bully
 
pagseguro

americanbullybrasil_imagem

americanbully.com.br

Copyright © 2005 Hosted & Supported by    | ADMIN EMAIL | AJUDA |